quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Ucaprof dará palestra para protetores


Um grupo de protetores de animais da cidade vizinha de Itupeva solicitou à União Cabreuvana Protetora da Fauna e Flora (UCAPROF) uma palestra sobre procedimentos nas áreas de legislação, proteção animal, fiscalização, atendimento a denúncias de crimes contra os animais e o meio ambiente.

A palestra será realizada ainda este mês e será ministrada pelo ativista pelos direitos dos animais e abolicionista animal Luciano Buzatto, que foi o primeiro a desenvolver um trabalho sério e competente em prol da saúde pública nas áreas de defesa e proteção dos animais e da natureza em Cabreúva.

Luciano também foi o primeiro a trazer para a nossa cidade os mutirões de castração de cães e gatos, que proporcionam inúmeros benefícios para as pessoas e os animais, melhorando a saúde e a qualidade de vida.

A Ucaprof, que hoje é presidida pela radialista e profa. Ana Teresa Merbach, há mais de 12 anos realiza um trabalho pioneiro, extremamente importante, promovendo a saúde e a educação, realizando cursos, palestras e campanhas de castração a baixo custo, propagando uma verdadeira filosofia de amor e respeito aos animais e à natureza.

domingo, 11 de novembro de 2012

Ucaprof socorre 10 cães abandonados numa casa




A União Cabreuvana Protetora da Fauna e Flora (UCAPROF), Cabreúva (SP), numa operação em conjunto com a Vigilância Sanitária e a Polícia Militar, quarta, dia 7, atendeu a denúncia anônima de que vários cães se encontravam em condições precárias de abandono num imóvel fechado no bairro do Vilarejo.

Chegando ao local, constataram que realmente havia uma casa fechada com cerca de 10 cães na garagem (6 adultos e 4 filhotes), com urina e fezes espalhados pelo local.

Segundo informações dos vizinhos, a moradora da casa e dona dos cães teria sido vista pela última vez no dia 1 de novembro e viajado para São Paulo, deixando os cães sem os devidos cuidados como alimentação e higiene. 

Luciano Buzatto, protetor de animais e um dos representantes legais da Ucaprof que acompanhou o caso, levou ração e água para os animais. Alguns vizinhos se prontificaram a adotar os cães e uma senhora, que tem a chave do imóvel, se ofereceu para cuidar dos animais até que o caso seja resolvido. Todos compareceram no 1º DP de Cabreúva e foi lavrado um boletim de ocorrência. 

UCAPROF REPRESENTA CABREÚVA NA OAB



A União Cabreuvana Protetora da Fauna e Flora (UCAPROF) representou Cabreúva, com a presença da professora Ana Teresa Merbach, presidenta da entidade, na palestra “Como entender e respeitar o bem estar dos animais – o desafio de ir além da subjetividade”, proferida pela Dra. Luciana Azevedo Matias Silvano, médica veterinária formada pela UNESP, com especialização pela universidade Equine Body Worker, nos Estados Unidos.

O evento foi promovido pela 33ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) – Jundiaí, cujo presidente é o conceituado Dr. Márcio Vicente Faria Cozatti, com o apoio da Associação dos Médicos Veterinários de Jundiaí e Região (AMVEJUR), em outubro, em comemoração ao dia mundial dos animais. Cerca de 30 pessoas estiveram presentes, entre elas: advogados, médicos veterinários e representantes de ONGs, destacando-se a profa. Ana Teresa Merbach, da UCAPROF e o vereador de Jundiaí Leandro Palmarini, do Bicho Legal.

Os temas abordaram as relações homem-animal-ambiente nas mais variadas formas de como enxergamos e tratamos os animais de companhia (cães, gatos, cavalos, coelhos etc) e de como essa relação precisa, em primeiro lugar, considerar o animal como um todo, físico e mental, respeitando-se, portanto, às suas necessidades específicas, ou seja, de cada espécie.

A questão mais importante que nós devemos considerar no convívio com todos os animais vertebrados, mamíferos, aves, répteis, anfíbios e peixes é que todos eles são seres sencientes, ou seja, têm a capacidade de sentir dor e de vivenciar sentimentos e emoções.  

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

O que é ser um protetor de animais?


Texto de Lilian Rockenbach

Hoje em dia a proteção animal virou um modismo. Muita gente acha bacana dizer que é “Protetor de Animais”, mas o que exatamente é ser um “Protetor de Animais”?

Para começar gostaria de esclarecer que proteger animais não é chamar uma ONG ou ligar para um protetor independente quando um animal está sendo maltratado.

Proteger animais também não é ficar no computador apenas repassando pedidos de ajuda, nem se sentir no direito de exigir e cobrar que pessoas ligadas à causa façam o que você considera certo fazer. Estas são apenas formas de divulgar ações e necessidades ligadas à causa, e não a proteção em sua essência.

Em primeiro lugar é importante saber que protetores de animais são pessoas iguais a você, eles trabalham, estudam, possuem família, filhos, quintal pequeno, moram em apartamento em alguns casos, mas decidiram arregaçar as mangas e fazer a diferença.

Um dia desses eu ouvi que “ser protetor de animais é um apostolado”, e isso significa você dedicar sua vida, seu tempo e seu dinheiro a uma causa que muito provavelmente “nunca” lhe trará nenhum retorno material. Consiste também em mudar seus hábitos alimentares (parar de consumir carne), hábitos de diversão (rodeios, vaquejadas, touradas, feiras de exposição, de exploração, de competição, etc.), hábitos de consumo (roupas de origem animal como casacos de pele, etc.), hábitos em geral.

O “protetor de animais” muda sua visão em relação à vida, passa a respeitar toda forma de vida, passa a lutar pela defesa dos direitos dos animais, pela castração, pela adoção, por leis mais rígidas e que os defendam, pela conscientização da população, contra a exploração animal em todas as suas formas, contra o comercio de animais, etc.

Ninguém muda estes hábitos facilmente, nenhuma pessoa que conheço amanheceu e disse: a partir de hoje sou um protetor de animais e vou deixar de fazer tudo o que fiz a minha vida inteira.

A vontade de ajudar nos impulsiona a levantar e ir, com o tempo criamos cada vez mais a consciência em relação aos assuntos relacionados à causa, nossos hábitos são mudados aos poucos e gradativamente. É uma luta pessoal contra nós mesmos, e em alguns casos, contra nossos familiares que não conseguem entender e aceitar essa mudança.

Ser um “protetor de animais” é ter responsabilidade social de maneira totalmente independente da caridade. Promover a conscientização em relação ao respeito dos animais é uma das bandeiras mais importantes da causa, fazer com que as pessoas enxerguem que o animal tem uma vida que precisa ser respeitada, é uma batalha constante. Os animais existem da mesma maneira que todos nós, possuem suas individualidades e não estão aqui para nos servir.

Os defensores dos animais devem ser felizes com sua bandeira, devem se orgulhar do que fazem. Se defender animais te trouxer algum tipo de angústia, talvez seja a hora de repensar e mudar de causa.

Os animais precisam de pessoas sensatas, que estejam sempre empenhadas em aprender, que estejam dispostas a tentar mudar o mundo, mas se conseguirem mudar apenas a pessoa que está ao seu lado, já fizeram muito mais do que 99% da população.

Os animais não podem se defender, eles só têm a nós, seres humanos, para defendê-los, e exatamente por isso temos que nos manter equilibrados para fazê-lo, e fazer com prazer, paixão e de maneira otimista. Pessoas agressivas e desacreditadas, não apenas na causa animal mas em todas as causas, geralmente não conseguem atingir seus objetivos na sociedade, pois não conseguem desenvolver o potencial necessário para valorizar a causa que defendem.

Tenha sempre à frente, e como referência, pessoas inseridas na causa e que desenvolvam um trabalho baseado na seriedade e, acima de tudo, idoneidade.

Fuja dos falsos protetores, pessoas que estão inseridas na causa tentando tirar benefícios materiais ou prestígio.

Acredite em você e em seus objetivos, arregace as mangas e faça, não tenha projetos alimentados apenas pela esperança, estabeleça objetivos e metas, faça você também a diferença. Pense qual a melhor forma de ajudar os animais, quais os seus pontos fortes, se você gostaria de trabalhar com resgates, com adoção, com maus tratos, com educação, contra exploração, etc. Acredite em você, e dê o seu melhor.

Abrace uma causa, qualquer causa, mas faça-o com responsabilidade e de coração aberto. Mude seus conceitos, abandone os preconceitos e faça a diferença.

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

PALESTRA -...BEM ESTAR DOS ANIMAIS... dia 04 de outubro

PALESTRA -...BEM ESTAR DOS ANIMAIS... dia 04 de outubro
 
COMO ENTENDER E RESPEITAR O BEM ESTAR DOS ANIMAIS – O DESAFIO DE IR ALÉM DA SUBJETIVIDADE
 
 
Expositor
DRA. LUCIANA AZEVEDO MATIAS SILVANO
Médica Veterinária, Formada em Medicina Veterinária pela UNESP – Jaboticabal em 2011; Proprietária da Clínica AFETO – Fisioterapia e Geriatria Veterinária com sede em Jundiaí/SP; Curso de Especialização pela Universidade: Equine Body Worker, em 2002 – Petaluna – CA – USA; Responsável pela reabilitação de eqüinos no Centro de Treinamento Villa Jalma Dressage em Campinas/SP; Ministra palestras sobre fisioterapias em diversas faculdades de veterinária desde 2004.

Data/Horário

04 de Outubro (quinta-feira)– 19:00 horas

Local
Casa do Advogado de Jundiaí
Rua Rangel Pestana, 636 – Centro

Inscrições/Informações
Mediante doação de uma lata ou pacote de leite em pó
Fones: (11) 4521-9736 / 4586-3656

Promoção
33ª Subseção – Jundiaí
Presidente: Dr. Márcio Vicente Faria Cozatti

Coordenação
Comissão de Cultura e Eventos da OAB – Jundiaí
Presidente: Dr. Alexandre da Silva Pereira

Comissão de Bioética, Biodireito e Biotecnologia da 33ª Subseção da OAB/SP – Jundiaí
Presidente Dra. Valderez Bosso

Apoio
AMVEJUR – Associação dos Médicos Veterinários de Jundiaí e Região
e
Departamento de Cultura e Eventos da OAB SP
Diretor: Dr. Umberto Luiz Borges D’Urso

***Serão conferidos certificados de participação - retirar em até 90 dias***
***Vagas limitadas***

Dr. Luiz Flávio Borges D’Urso
Presidente da OAB SP

 
 

sábado, 21 de julho de 2012

Curso de Formação de Oficiais de Controle Animal - Curso FOCA Jundiaí





10 a 14 de setembro de 2012 - Jundiaí/SP
Carga horária: 40 horas, das 7h30 às 17h30
Aulas práticas e teóricas

Como fazer o manejo etológico de cães e gatos baseado nos aspectos comportamentais, de bem-estar animal e segurança do trabalhador e da comunidade? Quais estratégias são efetivas para o controle de animais abandonados e soltos nas ruas? Como humanizar os serviços de controle de zoonoses e manejo populacional de cães e gatos?

Público alvo
Todos profissionais que trabalham direta ou indiretamente com cães e gatos ou com manejo populacional.

Local
IAC/CEA (Instituto Agronômico, Sede de Jundiaí)Rodovia Dom Gabriel Paulino Bueno Couto Km 65 (sentido Itu- Jundiai), Bairro Aeroporto, Jundiái. Acesso pela Marginal da rodovia. CEP 13212-240
Referência: Ao lado da fabrica da Coca Cola, Jundiaí

Inscrição Online

Categoria:ValorOpções
Categoria A
inscrição (*)
R$ 1.998,53[inscreva-se] [PagSeguro]
Categoria B
inscrição, alojamento coletivo (**), café da manhã e jantar no local
R$ 2.173,53[inscreva-se] [PagSeguro]
Categoria 
inscrição, Hotel Intercity (hospedagem, café da manhã e jantar) + traslado hotel/auditório/hotel
R$ 2.998,53[inscreva-se] [PagSeguro]
Categoria D
Categoria A + traslado São Paulo/Jundiaí/São Paulo
R$ 2.298,53[inscreva-se] [PagSeguro]
Categoria E
Categoria B + traslado São Paulo/Jundiaí/São Paulo
R$ 2.473,53[inscreva-se] [PagSeguro]
Categoria F
Categoria C + traslado São Paulo/Jundiaí/São Paulo
R$ 3.298,53[inscreva-se] [PagSeguro]
OBS: Pagamento pelo Pag Seguro em até 18 vezes (dependendo da bandeira do cartão de crédito)

IMPORTANTE: A Ficha de Inscrição deve ser preenchida on line E imediatamente realizado o pagamento. O sistema só aceita o pagamento da inscrição efetuada momentos antes.
Empenhos: Preencher também a ficha de inscrição on line. Encaminhar em seguida um email para itecbr@gmail.com solicitando os documentos do ITEC necessários para o empenho e pagamento.
ATENÇÃO:
• (*) A taxa de inscrição inclui materiais do curso, almoço, lanches e traslado durante o curso para as aulas práticas.
• (**) O alojamento coletivo comporta 2 a 3 beliches em cada quarto e possuem banheiro em anexo. Há necessidade de trazer roupa de cama, cobertor, travesseiro, roupa de banho e produtos de higiene pessoal. Esse alojamento fica no próprio local do evento, no centro de treinamento do Instituto Agronômico de Campinhas, em prédio antigo e simples em uma fazenda. Não é permitido chegar após as 22h00 no local. Haverá uma televisão para todos em uma área designada para lazer. Sair do local a pé exige uma caminha de pelo menos 10 minutos. Ônibus de linha em horário comercial passa a cada 15minutos.
• O Hotel Intercity fica próximo ao IAC, 10 a 15 minutos de carro.
Prazos para desistência:

- 60 dias ou mais de antecedência - devolução de 78% do valor pago
- entre 59 dias de antecedência até 30 dias de antecedência: devolução de 68% do valor pago
- menos de 30 dias de antecedência - 43% do valor pago
- menos de 15 dias de antecedência - não haverá devolução

quarta-feira, 18 de julho de 2012

Ucaprof: verdadeiro amor pelos animais


Matéria publicada no Jornal A VOZ DO JACARÉ, edição 597, ano XIV, de 14 a 20/07/2012, página 4 “Geral”.

A União Cabreuvana Protetora da Fauna e Flora é uma entidade sem fins lucrativos de proteção e defesa dos animais e meio ambiente.
Há mais de 12 anos, a Ucaprof realiza em Cabreúva um trabalho pioneiro, extremamente importante, promovendo a saúde, a educação e a conscientização da população, realizando cursos, palestras e campanhas de esterilização (castração) a baixo custo, propagando uma verdadeira filosofia de amor e respeito aos animais e à natureza.
A Ucaprof criou e mantém o Centro de Ressocialização Animal Dr. Marcel Benedeti, uma espécie de hospital veterinário e lar provisório que cuida de animais, cães e gatos, enfermos e abandonados, com sarna, mutilações, ferimentos, lesões por atropelamento, desnutrição, infecções, bernes, bicheiras, depressão (etc), e vítimas de maus tratos em geral.
A função do Centro de Ressocialização Animal Dr. Marcel Benedeti é abrigar e tratar desses animais, respeitando e valorizando o direito que eles têm à vida e à saúde, buscando recolocá-los em novos lares.   
Todos os animais alojados no Centro de Ressocialização Animal Dr. Marcel Benedeti recebem tudo de que necessitam como tratamento médico-veterinário, medicamentos, alimentação, proteção, amor e carinho.
Só no ano passado, de janeiro a dezembro de 2011, foram gastos R$43.161,52, dos R$42.000,00 recebidos pela subvenção da prefeitura, gerando, em média, uma despesa de R$3.596,79 por mês, dos R$3.500,00 recebidos mensalmente pela subvenção.
Por esse trabalho extremamente importante na área da saúde e da proteção animal, a Ucaprof recebe todo o reconhecimento, respeito e contribuição das autoridades de Cabreúva, e até de autoridades do Estado. 

quarta-feira, 11 de julho de 2012

Ucaprof representa Cabreúva em seminário de proteção animal

A professora e radialista Ana Teresa Merbach e o ativista pelos direitos dos animais Luciano Buzatto, dirigentes da União Cabreuvana Protetora da Fauna e Flora (UCAPROF), representaram o município de Cabreúva no Seminário de Proteção Animal: Entender para Proteger realizado na Assembleia Legislativa de São Paulo, na quinta-feira, dia 28/06.

O Seminário foi promovido e coordenado pelo deputado Fernando Capez (PSDB), e contou com a participação do deputado Feliciano Filho(PV), do promotor de Justiça Carlos Henrique Prestes Camargo, do Grupo Especial de Combate aos Crimes Ambientais e de Parcelamento Irregular do Solo (Gecap), do cinotécnico e etólogo Jorge Antonio Pereira, da veterinária-chefe do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) de Cubatão, do presidente do Conselho de Medicina Veterinária de São Paulo, Francisco de Almeida, do delegado de polícia da Divisão do Meio Ambiente do Departamento de Polícia de Proteção à Cidadania (DPPC), Wilson Correia, além de representantes de CCZs de diversos municípios e ongs de proteção animal.

Durante o evento, foram abordadas ações desenvolvidas no sentido de aprimorar a legislação de proteção animal, como a criação da Promotoria de Defesa Animal, e o Projeto Segunda Chance.

quarta-feira, 6 de junho de 2012

NOTA OFICIAL À POPULAÇÃO


A União Cabreuvana Protetora da Fauna e Flora (UCAPROF) e sua Diretoria estão sendo vítimas de um abaixo-assinado que está circulando por alguns poucos lugares da cidade. PORÉM, NADA TEMEMOS, POIS NADA DEVEMOS!
As pessoas que iniciaram a UCAPROF são funcionários da Justiça de absoluta integridade, caráter, honestidade e dignidade, assim como as pessoas que se encontram até agora.
A Diretoria da UCAPROF vem atendendo a população no que se refere ao resgate e assistência veterinária aos animais doentes, feridos, atropelados ou vítimas de crueldades, abuso ou maus-tratos, abandonados nas vias públicas ou em imóveis inabitados ou animais tutelados por pessoas de baixa renda, provendo tratamento veterinário, esterilização, medicamentos e ração. 
A Diretoria da UCAPROF promove mutirões de esterilização (castração) para o controle populacional de animais, prevenção de doenças e melhora da saúde e qualidade de vida das pessoas e dos animais.
A Diretoria da UCAPROF promove a defesa, a preservação e a conservação do meio ambiente ecologicamente equilibrado, impedindo e reprimindo práticas que coloquem em risco o seu equilíbrio, combatendo o tráfico e a extinção de animais silvestres, a caça e a pesca predatória, os desmatamentos e a poluição de mananciais e promove o desenvolvimento sustentável.
A Diretoria da UCAPROF promove a saúde, a educação e a conscientização da população, realizando e promovendo cursos, palestras e campanhas, propagando uma verdadeira filosofia de amor e respeito aos animais e à natureza.
Há 12 anos, a UCAPROF realiza um trabalho extremamente importante na área da saúde e segurança públicas, na área da proteção e preservação do meio ambiente e na área da proteção animal, recebendo todo o reconhecimento, respeito e contribuição das autoridades e da sociedade de Cabreúva, e até das autoridades do Estado.
Além disso, graças aos mais nobres e dedicados esforços da Diretoria voltados à proteção e defesa dos animais e da natureza, a UCAPROF foi eleita pela segunda vez consecutiva como membro do Conselho Deliberativo do Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal, uma das mais importantes organizações em prol dos animais do país, com sede em São Paulo.
E, justamente pelos relevantes serviços prestados à população e aos animais, pela altivez e nobreza das realizações da sua Diretoria, a UCAPROF foi homenageada e recebeu diploma do Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal, em reunião extraordinária, na Câmara Municipal de São Paulo, sala Sérgio Vieira de Mello, e também a UCAPROF foi decretada de Utilidade Pública Municipal pela Lei 1.904, de 14 de janeiro de 2011, com voto a favor de todos os vereadores e do prefeito de Cabreúva.
A UCAPROF tem em seu poder os documentos que provam o bom uso dos recursos públicos recebidos e que provam seu excelso trabalho de atendimento médico-veterinário aos animais que resgata das ruas, em prol da defesa e proteção animal e da saúde pública.
A UCAPROF ESTÁ TOMANDO TODAS AS MEDIDAS LEGAIS PERTINENTES AO CASO E DECLARA QUE TUDO ESTÁ SENDO ENCAMINHADO E ESCLARECIDO NA JUSTIÇA!!!
A Diretoria
União Cabreuvana Protetora da Fauna e Flora

domingo, 3 de junho de 2012

NOTA DE ESCLARECIMENTO DA UNIÃO CABREUVANA PROTETORA DA FAUNA E FLORA (UCAPROF) À IMPRENSA, À MÍDIA EM GERAL E À POPULAÇÃO


A UCAPROF repudia a calúnia, a difamação, as falsas denúncias de maus tratos aos animais tutelados pela ONG e também a falsa acusação de mau uso da verba de subvenção mensal recebida da Prefeitura Municipal de Cabreúva.

 As pessoas que iniciaram a UCAPROF são funcionários da Justiça de absoluta integridade, caráter, honestidade e dignidade, assim como as pessoas que se encontram até agora.

Todas as ações da UCAPROF seguem rigorosamente toda a legislação municipal, estadual e federal, obedecendo à risca as orientações legais do Ministério Público, de órgãos da Justiça e da Saúde e de sua própria assessoria jurídica.

A UCAPROF mantém o Centro de Ressocialização Animal “Dr. Marcel Benedeti”, onde animais sarnentos, mutilados, feridos, atropelados, doentes, desnutridos, abandonados e vítimas de maus tratos em geral, foram resgatados das ruas e recebem carinho, abrigo, alimentação e todo atendimento médico- veterinário de que necessitam e merecem.

A UCAPROF tem em seu poder os documentos que provam o bom uso dos recursos públicos recebidos e que provam seu excelso trabalho de atendimento médico-veterinário aos animais que resgata das ruas, em prol da defesa e proteção animal e da saúde pública.

A UCAPROF está tomando todas as medidas legais pertinentes ao caso  e  declara que tudo já está sendo esclarecido.

Ana Teresa Merbach, professora, radialista e Presidenta da UCAPROF.

terça-feira, 22 de maio de 2012

"A PESSOA QUE MALTRATA UM ANIMAL, PARA MALTRATAR OU MATAR UM HUMANO É UM PASSO"

“TODO POLICIAL SABE QUE MUITOS CRIMINOSOS PERIGOSOS, COMO UM SERIAL KILLER (ASSASSINO EM SÉRIE) TÊM NO SEU HISTÓRICO A CRUELDADE CONTRA ANIMAIS. A PESSOA QUE MALTRATA UM ANIMAL, PARA MALTRATAR OU MATAR UM HUMANO É UM PASSO”. FRASE DO ILMO. SR. DR. MARCOS CARNEIRO LIMA, DELEGADO GERAL DA POLÍCIA CIVIL DO ESTADO DE SÃO PAULO.

segunda-feira, 21 de maio de 2012


OS ANIMAIS NÃO PODEM LIGAR PARA 190, MAS VOCÊ PODE!

Você não tem que ser um policial, um bombeiro, um membro da defesa civil ou um veterinário para nos ajudar na luta contra a crueldade animal. Tudo que você precisa é a coragem de chamá-los. Para acabar com a covardia dos maus contra os animais, basta uma simples atitude dos bons: ligar para 190! Ajude a acabar com a crueldade denunciando os criminosos, pois os animais não podem.

sábado, 4 de fevereiro de 2012

URGENTE!!!! CÃOZINHO PRECISA DE RAIO-X E CIRURGIA - CONTAMOS SÓ COM VOCÊ PARA AJUDAR!!!

RESGATE UCAPROF: MAIS UMA VIDA SALVA!!!
 
RESGATAMOS, COM O VALOROSO APOIO DA DEFESA CIVIL, UM CÃOZINHO ATROPELADO NA DOM GABRIEL, NA ALTURA DA CAMACON, SENTIDO ITU, QUE TEVE FRATURA NA PERNA E ALGUMAS ESCORIAÇÕES.

O CÃOZINHO PRECISA DE RAIO-X E CIRURGIA DE PINO PARA VOLTAR A ANDAR NORMALMENTE.

POR ISSO, CONTAMOS SÓ COM VOCÊ PARA AJUDAR!

POR FAVOR, AJUDE DOANDO QUALQUER VALOR!!!! CALCULAMOS, APROXIMADAMENTE, R$1.000,00 ENTRE RAIO-X, CIRURGIA DE COLOCAÇÃO DE PINO, MAIS ANTIBIÓTICOS E INTERNAÇÃO.


DEPÓSITO NO BANCO DO BRASIL

AGÊNCIA Nº 6755-5

CONTA: 431-6

CNPJ: 07.743.976/0001-01
(para o caso de transferências bancárias)

UCAPROF – UNIÃO CABREUVANA PROTETORA DA FAUNA E FLORA